Pousada Barroco na Bahia
Home
Mapa de Localização
Histórico
Memorial D. Lucas
Órgão
Coro
Centro Cultural
Sala Dom Lucas Moreira Neves
Pousada
Berlin Café
Programação
Óperas
Discografia
Imprensa
Colabore
Livro de Visitas
Links
Descubra o Barroco na Bahia
Fale Conosco

O Morcego > Resumo

O que aconteceu antes:

Numa pequena cidade próxima a Viena, no início do século XIX, durante o regime conservador da restauração, após a época de Napoleão, dois amigos, Eisenstein e Dr. Falke, visitaram um animado baile de máscaras. Dr. Falke estava fantasiado de morcego, numa veste de pele preta, com asas e um grande bico, e Eisenstein de borboleta. Durante a festa, o Eisenstein brindou muito com Dr. Falke, o qual ficou completamente embriagado. No caminho para a casa, Dr. Falke caiu de sono no meio da praça municipal da cidade, e ficou lá dormindo, curando a sua ressaca.

Eisenstein deixou o amigo dormindo sozinho e voltou para a casa. De manhã cedo, quando as donas de casa foram fazer as compras na feira da praça, e os estudantes foram para a escola, encontraram Dr. Falke acordando, vestido naquele traje ridículo. As pessoas riram muito com ele fantasiado de morcego. Ainda meio bêbedo, ele cambaleou para a casa, acompanhado por uma multidão que fazia chacota dele. Desde aquele dia, Dr. Falke ganhou o apelido de Dr. Morcego. Daí por diante, ele passou a pensar como poderia se vingar adequadamente da brincadeira que Eisenstein fez com ele.

 

I Ato
Na sala da casa do casal Eisenstein

Alfred, um tenor, professor de canto e antigo namorado de Rosalinde, canta na rua, e sua voz é ouvida da casa de Eisenstein. Adele recebe uma carta de sua irmã Ida, mas que na verdade foi falsificada pelo Dr. Falke, na qual a convida para uma festa no palácio do Príncipe Orlofsky, um rico nobre russo. Rosalinde entra de um certo modo irritada pela inesperada visita de seu antigo admirador, a qual foi também arranjada pelo Dr. Falke, como parte de seu plano. Adele gostaria de ir a festa, e para isso ela inventa uma estória de que sua tia está doente e que precisa visitá-la, mas Rosalinde não está disposta a deixá-la ir. Alfred chega, e com sua voz tentadora deixa Rosalinde descontrolada. Rosalinde não sente nada por Alfred, mas ela não resiste a sua voz. Ela ouve seu marido se aproximando e procura imediatamente se livrar de Alfred, mas antes ela promete que o receberá mais tarde. Eisenstein está tomado de raiva, pois foi sentenciado há oito dias na prisão. A sentença original foi de cinco dias por desacato a autoridade, mas devido à incompetência de seu advogado, Dr. Blind e de seu insulto à corte, resultaram em mais três dias em sua sentença. Ele teria que começar a pagar sua pena naquela noite, mas Dr. Falke chega e convence Eisenstein a se divertir um pouco antes de ir pra cadeia, e o convida para a festa do Príncipe Orlofsky. Rosalinde está muito surpresa em ver o marido e Dr. Falke em tão bom humor. Eisenstein vai para a festa com Dr. Falke quando Alfred retorna, se veste com o roupão de Eisenstein e se senta à mesa. O jantar é bruscamente interrompido pelo diretor da cadeia, que veio pessoalmente para acompanhá-lo à prisão. Frank acha que o homem vestido em roupão ao lado de Rosalinde é Eisenstein, e ordena que este o siga para a cadeia. Frank pede que ele se despeça de sua esposa. Rosalinde, para não comprometer sua integridade, finge que Alfred é o seu marido. Alfred, muito feliz por ter a oportunidade de poder chegar mais perto de sua amada, se despede beijando sua “esposa”.

 

II Ato
No salão nobre do palácio do príncipe Orlofsky

O Príncipe Orlofsky, um jovem aristocrata que está simplesmente morrendo de tristeza com toda a sua fortuna, quer se divertir na noite da festa. Dr. Falke prometeu-lhe dar muita risada com a vingança do morcego. Ele está planejando ridicularizar seu amigo Eisenstein em público com uma vingança, devido à ocasião de três anos atrás, quando Eisenstein deixou Falke bêbado no meio da praça municipal. Falke teve que andar de volta para casa vestido em sua fantasia de morcego, o que fez as pessoas rirem dele na ocasião. Desde este incidente, todos o chamam de Dr. Morcego.

Os convidados do Príncipe Orlofsky estão determinados a se divertirem a qualquer custo naquela noite. Adele chega à festa vestida com um dos vestidos de Rosalinde, e sua irmã Ida fica surpresa. Eisenstein é o próximo convidado a chegar, ele é apresentado como o Marquês Renard. Orlofsky sabe de sua verdadeira identidade, e por isso ele mantém Eisenstein ocupado enquanto que Dr. Falke avisa a Rosalinde que seu marido está na festa se divertindo e flertando com outras mulheres. Eisenstein vê Adele e comenta sua semelhança com uma de suas empregadas. Ela pensa rápido, e ao invés de se mostrar surpresa com o fato de ter encontrado seu patrão ali e não na prisão, e disfarçado de marquês, ela o faz de bobo em frente dos outros convidados: Como ele poderia confundi-la com uma empregada?

Enquanto isso, Frank, também convidado por Dr. Falke, chega à festa. Ele é apresentado como o Cavalheiro Chargrin. Rosalinde chega à festa com uma máscara, e é apresentada como uma condessa húngara.

Eisenstein se sente imediatamente atraído pela condessa misteriosa, e começa a flertar com ela. Rosalinde reage timidamente, mas demonstra desinteresse. Para tomar vantagem da situação, Rosalinde finge estar passando mal e pede a Eisenstein para tomar seu pulso. Com este truque, ela consegue roubar o relógio que Eisenstein usa, desta forma ela tem uma importante evidência do mau comportamento de seu marido. As comemorações chegam aos brindes com champanhe, e são apresentadas várias danças nacionais. No último momento, quando Eisenstein está para retirar a máscara da condessa, o relógio marca 6:00, e Eisenstein tem que voltar para a prisão.

 

III Ato
Na cadeia pública da cidade

Alfred passa a noite na prisão e é supervisionado por Frosch, um bêbado que só anda se embriagando com uma aguardente barata. A campainha toca e Adele e Ida entram na prisão. Adele confessa a Frank que é a empregada dos Eisenstein e quer ser uma atriz, e pede a Frank que a ajude. Frank fica impressionado. Eisenstein chega à cadeia, mas não é deixado entrar quando este toma a roupa de seu advogado que está lá também e se disfarça de Dr. Blind. Eisenstein não se surpreende em encontrar Chargrin lá, pois logo é explicado que Chargrin, na realidade, é Frank. Com seu disfarce, Eisenstein presencia o encontro de Rosalinde e Alfred, e ouvi tudo que sua esposa pensa sobre ele. Eisenstein retira seu disfarce e surpreende todos ali. Ele diz a Rosalinde que ela está traindo ele com Alfred, e ela explica o que aconteceu, mostrando o relógio que roubara. Ironicamente comenta, com um sotaque húngaro, seus atos na festa do Príncipe Orlofsky. Eisenstein fica quieto por um momento, e Falke aparece com todos os convidados da festa, anunciando que a vingança do morcego estava concluída. Eisenstein pede desculpas à mulher, e todos concordam que a culpa de tudo foi muito champanhe.

 

Início
Voltar
Resumo
Ficha Técnica
Biografias
Fotos

Barroco na Bahia
Rua Jogo do Carneiro, 34 - Saúde
Telefone: +55 71 3241-6031 Fax: +55 71 3241-6805
E-mail: barroco@barroconabahia.com.br

Desenvolvido por: Valter de Carvalho