Pousada Barroco na Bahia
Home
Mapa de Localização
Histórico
Memorial D. Lucas
Órgão
Coro
Centro Cultural
Sala Dom Lucas Moreira Neves
Pousada
Berlin Café
Programação
Óperas
Discografia
Imprensa
Colabore
Livro de Visitas
Links
Descubra o Barroco na Bahia
Fale Conosco

O Rapto do Serralho > Resumo

I Ato

A princesa espanhola Konstanze passeia de barco com sua criada Blonde e Pedrillo, noivo de Blonde. Durante o passeio Konstanze, Pedrillo e Blonde são capturados por piratas e levados à Turquia; lá são vendidos como escravos ao Paxá Selim que con seqüentemente se apaixona por Konstanze. Belmonte, um nobre jovem esp anhol, está à procura de sua amada noiva Konstanze. Ele che­ ga até o castelo do Paxá e encont ra-se com Osmin, chefe da guar­ da do castelo. Belmonte pergunt a sobre seu amigo Pedrillo; Osmin, por ser um rude criado do Paxá, impede sua entrada no castelo de Paxá Selim. Pedrillo, sabendo que arquitetura é uma grande paixão do Paxá, planeja apresentar Belmonte como um arquiteto, assim facilitando a ent rada de Belmonte no Castelo. O Paxá Selim se encontra com Konstanze e confessa estar apai­ xonado por ela. Konstanze responde que seu coração pertence ao Belmonte, o Paxá compreend e Konstanze e não força a amá- lo. Pedrillo informa ao Paxá que chegou um arquiteto e que irá apresentá-lo. O Paxá está bast ante interessando em conhecer o arquiteto. Osmin, intrigado e desconfiado, insiste que Pedrillo e Belmonte se mantenham fora do castelo.

 

II Ato

Blonde foi entregue à Osmin como escrava. Osmin a trata de forma possessiva e não respeita a mulher, que era de costume na cultura dele. Blonde não tolera as grosserias de Osmin e exige um tratamento digno e respeitoso o que é comum na sua cultura in­ glesa. Konstanze está sem muita esper ança, pois pensa que Belmonte não conseguirá resgatá-la. O ordena que a princesa o ame, lembrando que ela só terá mais um dia para se decidir. Konstanze responde que prefe­ re a morte, pois não consegue amá-lo. Pedrillo dá a notícia à Blonde de que Belmonte chegará e será apresentado ao Paxá como um arquiteto. Pedrillo com astúcia tenta Osmin a beber vinho, o que é proibido para os muçul manos. Osmin começa a beber do vinho sem saber que Pedrillo colocara sonífero em uma das garrafas, facilitando assim a fuga. Pedrillo, fingindo que bebe vinho, deixa Osmin totalmente emb riagado. No castelo, Belmonte encontra- se com Konstanze e os dois an­ seiam a hora da fuga.

 

III Ato

Meia-noite, Belmonte e Pedrillo, do lado de fora do castelo, estão prontos para raptar Konstanze e Blonde. Belmonte consegue pe­ gar Konstanze, mas devido ao barulho da escada, o ciumento Osmin acorda de sua embriaguez e impede a fuga de Pedrillo e Blonde. Osmin envia soldados e consegue deter Konstanze e Belmonte. Belmonte e Konstanze são leva­ dos ao Paxá Selim que fica de­ cepcionado com a princesa. Belmonte tenta negociar com o Paxá argumentando que é de uma família nobre espanhola. O Paxá descobre que o pai de Belmonte é o seu maior inimigo e que rou­ bara a namorada do paxá. Osmin já prepara a execução dos casais. Inesperadamente, o Paxá Selim não quer devolver a injustiça so­ frida com as mesmas armas. Com um generoso ato de humanismo, concede a eles a li­ berdade. A ópera termina com os dois ca­ sais agradecendo ao Paxá Selim e todos embarcam alegremente de volta para a Espanha.

 

Início
Voltar
Resumo
Ficha Técnica
Biografias
Fotos

Barroco na Bahia
Rua Jogo do Carneiro, 34 - Saúde
Telefone: +55 71 3241-6031 Fax: +55 71 3241-6805
E-mail: barroco@barroconabahia.com.br

Desenvolvido por: Valter de Carvalho